Quando se fala em imóveis, é comum ouvir de algumas pessoas sobre o aluguel direto com o proprietário. A primeira vista pode ser sedutor não precisar de uma imobiliária e ter o número de burocracias e documentação reduzidos. Porém, não se engane, pois negociar diretamente com o dono pode trazer muitas dores de cabeça.

No artigo a seguir, você entenderá quais são os riscos de locar um imóvel sem a ajuda de uma boa imobiliária e por que a participação de profissionais na hora de fechar o negócio é tão importante. Acompanhe!

No aluguel direto com o proprietário não há assistência

Quando você loca algum imóvel sem a ajuda de um profissional que entenda de legislação, está fadado a discutir com o proprietário sobre argumentos baseados em opiniões dos dois lados. Se há algum problema no imóvel, por exemplo, cabe à imobiliária avaliar e negociar o reparo com o responsável, conforme já predefinido em um contrato bem elaborado.

Pode haver brechas no contrato

Mesmo que haja um contrato, a falta de um profissional pode deixar de lado questões importantes que, normalmente, são colocadas nesse documento de locação. Essas brechas e informações que não são condizentes com a situação de aluguel atual podem beneficiar alguns e prejudicar outros.

Por isso, é importante que esse documento passe pelo crivo de um profissional do ramo imobiliário para que tudo fique dentro da lei e que as responsabilidades de cada parte sejam mantidas e efetivadas.

Há maior risco de golpes

Infelizmente, as pessoas que agem de má fé estão por todos os lugares. Tanto locadores quanto locatários podem fazer contratos sem validade, não respeitar a lei de avisar com 30 dias de antecedência caso precise do imóvel e aplicar outros vários golpes já conhecidos nesse meio.

Há menos opções

É mais difícil encontrar um imóvel exatamente como você procura quando se quer um contrato direto com o proprietário. Hoje em dias, tanto locadores quanto locatários buscam segurança e conforto para deixar o aluguel do imóvel por conta de uma empresa responsável.

Por isso, ir até uma imobiliária e procurar por um imóvel que atenda suas necessidades é a dica para ter acesso a muito mais opções do que o alugue direto com o proprietário.

As opções podem ser mais caras

Quando se fala em economia ao fazer um aluguel direto com o proprietário, normalmente, é o locatário que sai ganhando, já que, nesses casos, ele não paga as comissões para a imobiliária. Porém, para se resguardar de algum problema que possa haver, ele pode cobrar um valor mais elevado do aluguel do que cobraria se estivesse sob responsabilidade da imobiliária.

Portanto, muitas vezes o locador tem um prejuízo mensal, pagando um aluguel acima da faixa de preço dos outros imóveis similares daquela região.

O aluguel direto com o proprietário é arriscado e não recomendado nem para locatário e tampouco para o locador. A imobiliária é sempre a melhor escolha para ambos, já que ela será responsável por verificar os documentos, produzir os contratos com as devidas responsabilidades de cada parte e garantir os direitos e deveres de todos.

E se você tem receio de fechar negócio com uma imobiliária por precisar de fiador, conheça a modalidade de aluguel que não precisa desse recurso!

Escreva um comentário