Existem muitos pontos que precisam ser avaliados na hora de comprar um imóvel. A localização, o tamanho, o tipo do imóvel e a posição do sol. Sim, apesar de parecer um pouco estranho, avaliar a posição solar de uma casa é muito importante e pode ajudar o comprador a fazer uma escolha mais acertada.

Contudo, quais são as variações da posição solar e como elas interferem no dia a dia de uma pessoa? Bem, isso depende de uma série de fatores que nós vamos explicar neste artigo. Vamos lá?

Variações da posição do sol

Como você sabe, o sol nasce no Leste e se põe no Oeste. Isso significa que uma casa cuja fachada fica direcionada para o Leste, também chamada de “face Leste”, receberá mais luz solar pela manhã. Já uma casa “face Oeste” terá mais iluminação solar ao fim do dia, quando o sol estiver se pondo.

Os imóveis “face Norte” costumam receber mais iluminação: uma parte recebe luz de manhã e a outra à tarde. A mesma regra deve valer para os imóveis “face Sul”, certo? Errado!

Não podemos nos esquecer de que a incidência solar varia de acordo com a estação, sendo que o inverno é menos iluminado do que o verão. Isso significa que um imóvel face Sul tende a ser menos iluminado no inverno do que um face Norte, uma vez que os dias são menores nessa época do ano. Já um imóvel face Norte pode receber mais raios solares durante a tarde, durante o inverno.

Características do bairro

Outro ponto que precisa ser avaliado é que outros fatores podem influenciar na iluminação de uma casa ou um apartamento. Outras edificações também podem fazer sombra, reduzindo a incidência do Sol no seu imóvel — independentemente da posição dele.

Portanto, antes de comprar ou alugar, verifique se existem construções ao redor da propriedade, com o objetivo de entender como elas impactarão a iluminação da sua residência.

Características da cidade

Dependendo da região do país em que você mora, a necessidade de luz pode ser diferente. É natural que os moradores de Curitiba, capital mais fria do país, valorizem cada minuto do dia durante o inverno.

Contudo, moradores de regiões mais quentes, como os do estado de Minas Gerais, podem ] sentir-se muito mais atraídos pela sombra — principalmente durante o verão. Existe, ainda, o fato de que muita luz pode danificar objetos, como cortinas.

Necessidades do morador

Existem, ainda, as pessoas que não ligam tanto para a influência da posição do sol em suas casas, pois não ficam tanto tempo dentro do imóvel. Nesse caso, vale a pena o morador pensar nessa questão, uma vez que ele pode economizar na hora de alugar ou comprar, se preferir um imóvel menos iluminado.

Há, também, o fato de que engenheiros e arquitetos já pensam em soluções para esse problema e instalam mantas térmicas, mais (ou menos) janelas, telhas transparentes etc., dependendo das características e necessidades do imóvel.

Como vimos, avaliar a posição do sol é muito importante, porém o morador deve considerar todas as características da região, além das suas necessidades e expectativas em relação ao tema.

Se você quiser entender mais sobre o que deve ser estudado antes de comprar um apartamento, leia um artigo que publicamos sobre o assunto. Nele, mostramos se existe uma época melhor para comprar apartamento.

Escreva um comentário